6 de janeiro de 2017

Conselhos da Isa

Quando alguém se dispuser a falar de palavras assim mais pró carote, suscitanto por isso algum interesse na discussão da mesma - quer do seu real significado ou ainda do mesmo em áreas como a Psiquiatria, por exemplo - e antes que vossas mentes se atrevam a divagar em  cenas produtivas, nomeadamente uma troca de impressões toda giraça, um acrescento, um lamiré, um, enfim, qualquer intento de aprendizagem, favor consultar antes aqueles paladinos literários, os verdadeiros portadores da palavra de ciência nas suas mais variadas vertentes, como a Happy.

Por isso  e pra já, fica aqui  já tudo avisado da tremenda incongruência (e leviandade, já agora) que representará o uso da palavra  "Metanoia", sobretudo  se associada à pessoa do grande Pedro Paixão. Não. Não o façam. Não saberão do que falam, poderão cair no ridículo, poupem-se a esses constrangimentos. Comprem a Happy. Consultem a Happy. Leiam a Happy. Informem-se na Happy. Pois só após isso, estarão aptos a falar cá de coisas sérias, seus grandes inconsequentes, agora a darem (ainda mais) cabo da saúde mental da Pink Poison! 
Irra. 
Caramba.
Bolas. 
Canseira.
Chatice. 
Dasse. 

...


Pronto. Já me passou. Cá joca à Isa e que estas merdas não se repitam. 
Ide lá prás couves. 




Memo parvos, carago...

31 comentários:

  1. Tens a certeza que não pode ser a "Maria" ou até o "Correio da Manhã"?... Não me digas que ando a ler publicações menores...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se um dia fizerem um "especial Maria" ou uma edição extra do Correio da manhã. É impreterível que a bíblia em questão tenha pelo menos a página nº64 (pois que é nessa que a verdade se faz luz, qual Lúcia e mais o seu segredo ou lá o que era aquilo). Não sei se essas chegam a tanto, ou se são filhas de deuses menores.

      Eliminar
  2. A minha saúde metal, ou falta dela, incomoda-te? Simples, ignora-me chaga!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá BD, tás boinha?
      (pergunta retórica, obviamente)

      Escreve assim na tua agendinha-cagalhão nova: "Este ano vou convencer-me de que não tenho necessariamente que andar a patrulhar blogues, falar deles, pra depois dizer 'ignorem-me!'".
      Sim?
      Vá, agora baza.

      Eliminar
    2. Ahahahhahahaahhaa!!
      Pimba, outro aditamento.

      Eliminar
    3. Talvez desta vez não, que está entretida ca agenda.

      Eliminar
  3. Patrulhar blogues como tu fizeste ao meu mais de uma ano? bazo sim... com gosto... Nem querias tu saber que as tuas amigas têm vergonha de ti. ups, já sabes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ui, as minhas amigas ... ahahahahahahahahaha!
      És impagável ó gaja...

      Try again, vá lá... mas desta vez à la Pink! Ora inventa lá aí o nome de quantas amigas minhas achas tu conheces, só assim naquela de caires mais um cadinho, vá.:))

      Eliminar
    2. Eu sei o nome de três: a Santa, a cona e a assobios.

      Eliminar
    3. AHAHAHAHAHAHAHAHAHA!

      Ai caraças, que acertaste logo à 1ª e nas mesmo mai chegadas!

      Eliminar
  4. Eu não posso falar mas vou pedir autorização , pode ser que feches a boquinha quando vites os mails que as tuas amigas enviam a desculparem as tuas atitudes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (Hitchcock, anda cá ler a doida, que sei que vais adorar..)

      Humm.. pois.. claro.. mails ... a desculparem as minhas atitudes... óbvio.. Prozac, seu sacaninha... eheheheh...

      Vai lá pedir-lhes autorização, vá. Eu espero. E depois conta lá sobre mais esse novelo...
      Escreve na agendinha: "Lembrar de consultar o imaginário, sobre pedir permissão às amigas da Isa no sentido de poder dizer à Isa do que as amigas dela se desculpam, por ela. A mim".

      (Sem rires. Encara isto como um desafio)

      Eliminar
    2. Entende que ela "não pode" como se soubesse ou quisesse saber o significado disso.
      E "vai pedir autorização". Deve ser ao Joka, o pj, que já deita aditamentos pelo ass.
      Agora fecha a boquinha.

      Eliminar
    3. Sódade do joka, pá.. que será feito dele??
      Vamos esperar, né? Sei lá... Pode ter aprendido conceitos novos, por razões que a razão desconhece. Ou não, nunca se sabe. "Não posso". "Autorização". Olha ca lindo!:D

      (Por acaso estou a precisar de fechar a boquinha, que engordei mais 1kg.
      Pelo menos até descobrir se é gordura ou músculo.
      Pode ser músculo. Faz 10mt na elíptica, pode muito bem ser músculo).

      Eliminar
    4. Péra pá! calma! Ela deve estar a ver das autorizações. leva tempo, né?

      Eliminar
    5. Claro! Então se tiver que ir ao Notário pedir procurações, assinaturas reconhecidas e o diabo a sete, é coisa para custar uma pipa de massa e tempo, oh se é!

      Eliminar
  5. Ahahahahahahahahahahahah :D Pá, tão bom isto :))))) Deixa-me sempre a pensar quais serão os limites, mas estou cada vez mais convencida de que são como os limites do Universo, é muito provável que existam, mas ainda ninguém os descobriu :))))
    Não que seja necessário referir, mas refiro na mesma: eu não escrevi emails a ninguém, hã?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó p'los deuses, melher...Não era mesmo necessário referires, nunca tal sequer me passou pela cabeça:))

      Assim como não deve ser o facto de não acreditar numa virgula que aquilo diz, mas refiro, ou o facto do quão surreal se me apresenta, e penso que ao mais minimamente são dos mortais, haver quem, mesmo não gostando de mim aqui na bloga, se fosse pôr a trocar mailzinhos com aquele borrão dos deuses. Quanto mais os que me são "mais". :))

      Só mais uma tentativa de mexerico, típico das putas d'alma. Mai nada.

      Eliminar
  6. Não, eu vou usar isso no tempo certo... Comam biscoitos. De banana. E esperem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ehhp...

      Já sabia. Sempre a mema pecaria, contigo. Nem o sabor dos biscoitos muda.

      Tédio.

      Eliminar
    2. Calhando, queria-ze-los com sabor a pila.

      Eliminar
    3. Eu não o queria-zo-lo nada, a oferecer é que se podia mudar uma beca a oferta, carago.

      (A pila?? Credo Filipa. A menina anda mesmo arredada das convenções sociais. Ou o caraio. Ai. Siderei!)

      Eliminar
    4. (Ai.
      Não me diga que pisei assunto da esfera privada!!!!
      Ai e agora? Viro-me prá donde???)

      Eliminar
    5. (Não pisou, canão tinhamos ouvido o dono da pila a reclamar, mas olhe que esteve lá muito perto. Foi por um tomate cereja).

      Eliminar
  7. Oh.
    No tempo certo, diz ela.
    Que na linguagem das pessoas normais significa "não tenho nada pra dizer, deixa-me lá dizer mais um bocadinho de merda".
    Enfim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já se faziam coroas disso pra oferecer a hipotéticos soulmates. Pecausa que sim, pecausa que merecem.
      Mais 10 minutinhos de forno e está a osmose feita: Meda ama tu, toma meda da meda. ihihihihih... chuack!

      Eliminar
    2. Papa buachinha da meda. Papa. Abe a boca. Abe. Ihihihi
      Ahhhh, a soulmatice ou o caralho.

      Eliminar
    3. O amoi é uindo, doio o amoi, eu amo amai!
      Daje-me a tua diexão pa eu te mandai pejentes? Também adoio mandai pejentes, qués pejente d'eu?! Diz que xim, qu'eu coijo. Mando. E 'pois digo a toda gente que mandei, qu'eu é axim, adoia a partilha de axuntos de meda.:)))

      Eliminar
  8. que canseira pá.
    o Pedro Paixão, grande mesmo, acontece ser meu amigo, tanto ele como a irmã Maria José Paixão, mais conhecida por Zé. já passei férias na casa que a Zé tem nos arredores de Fortaleza. eu e mais uns quantos, o Pedro incluído.

    SIM, a BIPOLARIDADE dele é bem conhecida.
    Sim, tem delírios e depressões profundas.

    ter vergonha e decência é algo que desconhecem, vocês pintinhas.
    vergonha tive eu, quando li o que aqui está escrito.
    FODASSE!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Imbecil: vergonha é o que eu gosto que as lesmas como tu que me leem, sintam, na medida em que isso me faz sentir um coche inteligente, percebes? Não posso, não obstante, deixar de te aconselhar umas aulas urgentes e intensivas de interpretação das coisas, ameba, porque o Mundo já padece de estupidez que chegue.
      Este post refere-se - como está bem explicado para pessoas normais - a uma observação que a Pink Poison (PP) fez, em jeito de reparo ao que outro blogger dizia sobre metanoia, e consequente troca de impressões entre ele e outros bloggers sobre o assunto, onde os aconselha a consultarem a Happy. Portanto, estupido da merda, ninguém está a dizer mal dessa pessoa, compreendes asno?

      Agora vais prá puta que te pariu, que estou farta de brincar contigo, sim? E já não entra cá nada mais teu.

      Eliminar