domingo, 18 de setembro de 2016

Favor creditar as cenas, sub-blogger Pink Poison

Eu exemplifico:

Nesse "post"


"Domingo Dia Santo de uma Agnóstica"


À citação abaixo, reproduzida aí nesse coiso

O Céu é o limite, meu bem.  Sejamos afoitos, e numa doida, numa maluca, assumamos até que existem outros Céus...  É esse tanto que podemos assumir, de absolutamente tudo.

Falta  o - Isa  e/ou as aspas de quem está, justamente, a citar).



Cá joca e que isto não se repita.






13 comentários:

  1. Sub-blogger?
    Queres desenvolver o conceito ou aprendeste com o teu conjugue?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu conjugue está muito bom, sei conjugar imensas coisas ...

      Sub-blogger é aquela pessoa que queria muito blogar, mas não sabe. É a que está lá no fundinho da bloga. É quem escreve "conjugue" em vez de cônjuge, e depois diz, ao tentar emendar, que se tinha esquecido (só) do acento.
      É a que anda a vasculhar caixas de comentários nos outros blogues, para retirar frases e fazer posts.
      É a que,calhando, até agarra nas frases todas que encontra, chocalha muito bem chocalhado, a pontuação derrete, algumas letras de algumas palavras também, assim como qualquer nexo, e depois sai-lhe textos de merda sem ponta por onde se lhes pegue.

      Uiva que é "única", toda a gente quer acreditar que sim (era tão bom...), mas não, porque tem amigos Estúpidos como ela e juntos fazem um pendant do caraças. Haviam até de se conjugar, eu cá acho.

      Eliminar
    2. Se sou sub, não credito um caralho do que tu debitas quando escreves. Além de sms de engate

      Eliminar
    3. Pipi, tu és "sub" numa data de coisas. Enquanto blogger, é só uma delas. E a reiterar a tua posicão de "sub", está o teu plágio, e o teu comentário.
      Plagiar é crime. A tua recusa em creditares o que plagiaste de uma pessoa que não suportas, para tentares fazer bonito lá no teu coiso, demonstra que nem a ti te levas a sério ou respeitas.

      Faz lá, portanto, o favor de acrescentares à lista daquilo tudo que já te disse - na minha opinião - seres, seres também uma plagiadora de comentários roubados de caixas de comentários alheios.

      (Aquilo das sms de engate é que não percebi, mas deve ter a ver com outra área de "sub" que te assiste. Quiçá enganaste-te no blog, ou calhando faz só parte da tua terapia de putedo).

      Eliminar
    4. COMO SE TU NUNCA O TIVESSES FEITO AQUI! VAI DAR LIÇÕES DE MORAL A A QUEM TE ATURA (A QUEM PAGAS REPARAÇÕES DE CARROS MÁQUINAS DE LAVAR ROUPA, ETC|

      Eliminar
    5. Teoria de putedo aqui não preciso, tu conhece-la melhor do que mas disfarçada de tia de Cascais a usar as filhas como isco.

      Eliminar
    6. E deixa de ir anônima ao meu blog pá! O Stat counter chega para todas!

      Eliminar
    7. Não conseguias dizer tudo num comentário só, tarada, tens mesmo que andar a pôr nódoas em tanto lado?

      Podes provar alguma coisa do que disseste..? Não podes. Logo, estás a fazer figura de parva de merda, que é a tua figura usual, mas hey, já variavas.

      Aviso: Voltas a falar nas minhas filhas com sugestões desse tipo, comuns lá à pradaria de onde vens, e parto-te esses dentes todos. Ou fala só nelas, que chega.
      Agora vai lá aditar isso às queixas, sff. Faz o print disto e adita, posta lá naquele esterco onde ofendes o abecedário e o intelecto até de uma minhoca. Vai lá.

      Repito: Voltas a falar nas minhas filhas, e parto-te esses dentes todos.

      Ora faz lá mais uma gracinha dessas, desvairada, faz.

      Eliminar
  2. Dizes essas merdas porque não sabes o preço dos cabrões dos dentistas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso até sei, e pagarei isso e mais o que for, com toda a satisfação, que felizmente não faço parte daquela fatia bastante importante de bardamerdas que vive à conta do estado.

      À tua e minha, portanto, de entre todos os outros contribuintes.

      Eliminar
    2. Falas daquela gente estranha que recebe guita do estado porque diz que tem algum tipo de incapacidade mas que paralelamente a isso, "trabalha"?

      Eliminar
    3. Exactamente. Desses parasitismo que contribui grandemente para a bancarrota desta nação.

      Eliminar
    4. Por acaso fiquei a saber de uma assim.
      Diz que trabalha com o cão ao lado.

      O que será que a segurança social terá a dizer sobre isto?
      Vou ver.

      Eliminar