sexta-feira, 8 de julho de 2016

Foi tão lindo, tão lindo, tão lindo, que quase que chorei....


coisas da Pink Poison  08.07.2016  15:13

Que se danem...
Nos meus blogs está a minha essência e a minha escrita e o meu corpo que sou livre de mostrar (não nudez completa), sou livre e nunca pus ninguém contra elas! 
Sou senhora para dizer que no sapo há um altar a meu respeito, que, se no meu do blogspot digo que estou doente, no sapo, passados dois minutos, também alguém informa. 
Sei que o ex amante me contou que o blog da Isa se mantém apenas para gozar comigo. (ela disse isto a ele)
Sabem o nome do meu pai e empresa, não fazem ideia do chuto no rabo que levam se o tentam contactar! 

 coisas da Pink Poison  08.07.2016  14:52


Falemos de cultura e de nós, bom fim de semana, beijos (fez queixa de mim?! uau..., como a percebo, pensava que era uma peste, eu percebo e claro quem nem se fala mais nisso, imagino a sua raiva, a sua frustração...eu compreendo-a)

30 comentários:

  1. Oh Mãyeh vou deixar aqui um recado para essa amostra de pessoa que refere continuamente o meu pai e o teu suposto "amante". Já que esse projecto de homem aparentemente forneceu informações, umas falsas outras fictícias, em relação à tua pessoa, certamente que lhe terá dado também os nomes das tuas filhas. Essa desconjuntada que anda por aí a falar do que pensa saber, que venha falar comigo que eu a ponho ao corrente de tudo. Aproveito e endireito-a!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!
      Sempre disse que esta miúda um dia ia mostrar à parva da mãe como é que se fazem as coisas, pá!!!

      Eliminar
    2. Sarita, queres desenvolver uma beca isso do "projecto de homem" ou deixamos o facto dele divulgar quer dados pessoais da tua mãe, bem como do resto da família, difamá-la, perseguir-me, difamar e ofender os meus, falar por si?
      O que dizes, meu bem?

      Eliminar
  2. E vou acrescentar que já tou a ficar um bocadinho cansada destas histórias e isto para mim resolvia-se ou com um par de estalos ou com um processo judicial

    ResponderEliminar
  3. Também li há pouco e fiquei estupefacta. As duas completamente loucas com a mania da perseguição, o desplante da pinkena para continuar a insistir com a história do ex amante ( claro que n é difamação ), o jeitinho manso como fala com a outra. Duas pessoas mt perigosas e q n têm a noção da realidade, do certo ou errado ou do conceito de moral.
    Isto ja não são só blogs..
    E sim podiam bem ser mãe e filha :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vocês compreendem que a maria pasmada com pernas e braços, só deixou isto em blog alheio porque sabia que ia ser lido, não é? Sempre dentro daquele lema que apregoa aos 4 pútridos ventos que respira "eu não ponho ninguém contra elas, no meu blog".
      Aquilo não foi uma conversa com a autora do tal blog, foi somente mais um aproveitamento de uma determinada situação, para lá ir dizer o que não tem tomates, envergadura, nem coluna vertebral, para dizer no dela.

      Publiquei, naturalmente, porque comprova que não só não fala de mim em lugar nenhum - não senhores - mas também e sobretudo porque continuo a achar fascinante aquela característica camaleónica (típica dos sem chão, sem tecto, sem origem, sem nada) que lhe é tão peculiar. É uma "casa dos horrores" virtual, um espécime que se vende por um objectivo qualquer, por muito pequeno e repetitivo que seja. Logo, uma prostituta, na mais verdadeira aceção da palavra.



      Eliminar
  4. o grassa foi teu amante e não tens problems em afoirmar, não lhe pagaste uma tampa da máquina? não lhe ias alimentar a bicharada quando ele estava de férias? Pois claro que ele apenas em disse que , a determinada altura, faziam tudo juntos, inclusive, chatear-me, não foste tu que foi perguntar ao grassa se ele me conhecia? Não foste tu que no Dúvidas cor de rosa afirmaste que não tens problemas em dizer que foste amante dele. ele diz que foram, (e eu tenho muito material a provar) . Mas nunca quis saber nada das tuas filhas, para quê, agora se ali a Sarita me quer endireitar, lá vou eu fazer um aditamento à queixa por mais esta ameaça. Bom fim de semana. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Junta lá a ameaça velada que fizeste aos meus filhos quando falaste no infantário deles.

      Eliminar
    2. E já que estás com a mão na massa, quando me ameaçaste de partir o queixo e partir as pernas.

      Eliminar
    3. Olá prostituta.

      Não. Nunca disse em lado nenhum que tenha pago alguma coisa à pessoa. Disse o que se passou num determinado episódio, e o que disse não envolvia dinheiro. Deves estar a fazer confusão com o teu passado. E disse também que se tivesse um "amante" (como tu gostas de dizer, talvez por referência também ao teu passado, às tuas origens, ou às de algum dos teus), não teria problema nenhum em assumi-lo, na medida em que sou livre para o que for.

      Ir-se cuidar dos bichos de alguém, ou fazer-se muita coisa com alguém - e não "tudo" - não faz de ninguém "amante" de ninguém, abcesso.

      Aqueles teus vaporosos comentários, estão ali unicamente para comprovar o teu desvio, de completamente tudo o que nasceu para ser direito. Essa tua converseta, enrolada, confusa, de quem anda com as mãos no chão e esbraceja com os pés, vais tê-la com quem ainda te come os leros.
      Aproveita que vais fazer aditamentos, e faz também à tua moral, a ver se se arranja um mínimo de condições para pelo menos se compreender o que dizes. O "material" que tens, guarda-o bem guardadinho. Vê se consegues arranjar mais, que assim vão logo dois coelhos de uma cajadada só. Esta conversa de "amantes", quanto a mim, é conversa de gajedo da vida, de sarjeta, de putedo. Como tu. Daí dares-te tão bem com o assunto. Eu caguei. Contudo, acho interessante que o repitas sistematicamente, como se esse fosse um pecado capital. Um pecado capital, é uma pessoa não merecer o ar que respira. Como tu. Não merecer nem pai nem mãe. Como tu. Porque os envergonha a cada letra que digita, a cada argumento que apresenta, a cada psso que dá, a casa acção que pratica, na puta da vida. É enrolar-se a cabeça de uma senhora que nitidamente não está bem, com o objectivo único de a pôr como sua "aliada", como ficou explícito no comentário que ela transcreveu num post. E que era teu. Pecado capital, é precisar-se de "aliados". É estar-se com tanto medo do que um pai pode pensar, que se faz de um tudo na tentativa de que ele não saiba, pra não pensar. E dizer-se, repetitivamente e em todo o lado, que sabe, que apoia e que não sei o que mais, que se assim fosse, nenhum mortal com a consciência tranquila o repetira tanto.

      Não queres saber das minhas filhas, a não ser naqueles comentários guardados e outros publicados, em que perguntavas - exactamente à laia daquele tipo de gente que acima referi - se as minhas filhas "sabiam". Está ali acima uma delas a comprovar que "sabe".
      Não tenhas medo, hã? Ela não te toca. Nem vai falar com o teu pai. Porque ela é de outra casta, se é que me entendes.

      Eliminar
    4. Dizer que uma situação se resolvia com um par de estalos ou um processo judicial é ameaça grave digna de queixa? Essa é boa. O que dizer então de uma situação em que alguém jura que parte os ossos todos a outra pessoa?
      Por Jó, algum advogado se chegue à frente e elucide esta gente.

      Eliminar
    5. Há advogados. Não há é "gente" a ser elucidada.

      Eliminar
  5. Pode se então deduzir e pela lógica da pinkena que se a Isa foi amante do coisa nenhuma porque faziam td juntos, deu de comer aos miaus e bla bla bla wiskas saquetas, que a pinkena aquando da ajuda q deu ao vizinho que tinha a mulher entrevadinha tb o foi com o dito cujo ou pimenta no cu dos outros pra mim é pimenta?
    Moças que nervos que esta merda me dá pah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Céu é o limite, meu bem.
      Sejamos afoitos, e numa doida, numa maluca, assumamos até que existem outros Céus...

      É esse tanto que podemos assumir, de absolutamente tudo.

      Eliminar
  6. Meninas, eu não tenho nada que ver com isto e tenho-me abstido de comentar este assunto, propositadamente. Acontece que vos acho um piadão e gosto de vos ler. E Deus sabe que adoro uma boa picardia. Mas quando se começam a puxar pais, mães ou filhos, quando os filhos são ameaçados de atropelamentos e afins, a coisa passa para outro nível e deixa de ter qualquer graça, torna-se nojenta e abjecta.
    Ninguém gosta de ficar a falar sozinho durante muito tempo, eventualmente cansam-se e vão lá à vidinha deles.
    E é isto, eu apresentaria queixa por ameaça à integridade física ou assédio (a difamação já dá demasiado trabalho) e mandaria o objecto de estudo para o convento.
    Desculpem ter-me metido mas isto já enjoa e pelo andar da carruagem não terá fim. Mas é só a minha opinião.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há filhos ameaçados de atropelamento, há alusões veladas no sentido de se dar a entender saber-se em que infantário andam os filhos da Filipa, há o sr. "sequeira" que mexe uns cordelinhos na minha área de residência, há as muitas referências ao que eventualmente as minhas filhas possam saber sobre lá o que em avançado estado de decomposição lhe contou, há mails de teores tão estupidamente imbecis, que uma pessoa fica sem perceber se aquilo foi só saudade, ou se sonhou que um dia podia acordar sã, há os amigos dela, que depois de participarem nas conversas dela sobre nós, aparecem no espaço da Filipa porque sim, é a cena do pai, e o meu pai sabe, e o meu pai apoia-me, e o meu pai isto e o meu pai aquilo, e o meu pai que tem o colesterol em dia, e portanto está vivo, quantos pais aqui é que já morreram, sou eu que tenho saudades de alguém "alto e moreno" ( porque agora 0,5 mt de gente chama-se "alto" e branco-osga chama-se "moreno", nem sei como é que ninguém pega naquilo, de tão "alto e moreno" que é, até fiquei a pensar que a australopiteca me tinha descoberto outro amante, e que esse eu se calhar até queria, "alto e moreno", né, o sonho de toda a mulher) enfim, todo um panorama de atitudes,ali, prantados num um leque de virtudes. Não sabe quem é a autora do blog onde agora escreveu aquilo, mas no blog antigo, pertença da mesma pessoa, o famigerado "pinko" lá postou, um dia, algo dentro das incoerências características à personalidade da pessoa, algo do tipo "isto agora vai ser diferente, que agora sou eu que estou à frente do assunto! Eu pinko!", a blogosfera tremeu de medo, e assim como se veio, lá se foi o temível pinko, de regresso ao hemisfério "Suiça" do cérebro dela, que por ser neutro, anulou as funções do direito e do esquerdo, como está bem patente nas acções referidas, e mais naquelas por referir.
      A quantidade de atropelos à Lei que aquele abismo já praticou, é de fazer pensar ao abismo para onde ela olhou e caiu, que é um bebé, perto do que lhe caíu no colo. O catálogo é tão extenso e tão profícuo, que uma pessoa fica indecisa, sobre qual será o mais decisivo e eficaz. Parece uma montra de rebuçados, mas em mau.
      Aposto que se a justiça lhe cai em cima, ela apela a insanidade mental, e que não haverá outro remédio senão o de constatar e aceitar o óbvio, após uma junta médica.
      Quando muito, trabalhos comunitários.

      Eliminar
    2. Que caia a justiça em cima, então.
      (acho que vocês não deveriam dar mais visibilidade a isto, a sério que acho, é tudo demasiado mau)

      Eliminar
    3. Tem razão, Picante. Já há muito que deixou de ter piada, tentar-se a piada.

      Tem toda a razão.

      Eliminar
    4. Branco-osga
      AHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHA!!

      Eu tenho um alto e morena.
      Incha, Pacheca!

      Eliminar
  7. Concordo com a picante. É n dar corda q ela própria a arranja pra se enforcar.
    Há aquela frase q diz " Nunca discutas com um idiota. Ele obriga te a baixar ao seu nivel e dps vence te pela experiência".
    Como já disse no blog da Filipa vocês estão a alimentar um Monstro. A pessoa alimenta se disto. Ontem ofendeu, hoje faz se de vítima. É u a pessoa doente n sei em q termos médicos pois n tenho conhecimentos para isso ( 9° ano de escolaridade tirado a ferros) mas tenho experiência de vida e senso para n ter qualquer duvida disso.
    Gosto muito de ler a Isa e a Filipa, gosto de humor inteligente,da ironia e do sarcasmo.
    Pouco comento mas sigo e confesso q ontem me deu nojo a bajulação e o veneno no outro blog.
    Como se diz aqui pelas minhas bandas
    Keep calm and carry on xx

    ResponderEliminar
  8. Oh Isa. Há provas da tua (alegada) traição?? Muito material?? Credo mulher! O que vai ser de ti??!!!
    E quando esse material todo vir a luz do dia em frente um juiz. Por Deus, vais apanhar pena máxima.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tenho a lista de países com quem Portugal não tem lá a treta da convenção, para extradição.

      Estou a ponderar Suriname, pra bazar daqui. Ai meda.

      Eliminar
    2. Se precisares de ajuda, diz.
      Parte-se-me o coração só de imaginar a pena pesadíssima que podes apanhar!! :p

      Eliminar
    3. A mim parte-se-me o coração é de ver como há vacas que não param de avacalhar ( refiro-me à prostituta de personalidade, naturalmente) e continuam num blablabla infidável de justificações, dia após dia, sobre o tempo em que se prostituiram, quando haviam era de dar mais atenção à putanhice que lhes corre nas veias.

      Pega lá beijo que hoje é um dia muito feliz para todos nós. Até prás putas:P

      Eliminar
    4. Tu tá masé sussugadita, canão ainda te acusam de outro pecado capital. O de não sabares o que é ser vítima de violência doméstica. Parece-me que tb é coisa para mtas acusações. :p

      Eliminar
    5. Isso quer dizer que não posso falar de BDSM..?

      Porra! Estou a sentir-me muito castrada, hã?!

      Eliminar
  9. Qual é a marca de cigarros que fumas? :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Marlboro light.
      E se não for pedir muito, podes levar também uns Sobranie Cocktail, qué pra quando eu quiser fazer charme.
      Bgada.:)))

      Eliminar
    2. Charme para quem??
      Para as outras presas?

      Eliminar
    3. Em caso de necessidade...sim.
      Mas estava a pensar mais nas visitas que os meus amantes me iriam fazer..:))

      Eliminar