quarta-feira, 15 de junho de 2016

Lá a ver, ó pessoal: Chegue-se à frente quem alimentou a mogwai depois da meia noite, ó faxavori

e deu azo à  gremlin "Relampejares"
Hã ..? Quem foi??
Eish! Êta! Nada de desviarem o olhar, assobiarem pró lado, tudo a olhar no lindo olho verde da ti 'Isa, e 'bora lá a confessar! Atão estão as pessoas todas empreendedoras, pá,  mui sogaditas, entregues às  suas costumeiras actividades blogosféricas,  e tal e coiso, e  fala disto e fala daquilo, uma picardia aqui, outra acolá, o nosso ursinho de estimação lá em desespero porque ninguém lhe estava a ligar nenhuma, lá nas queixinhas do costume "eu xou difiente!! eu xou boua xoa!! ai que 'tão xempre a coiso! e num traio o meu maído! e lá porque fui num qué dijer que xou! e a Aiex é cocó! num goxto da Aiéx!" e perlepépéu e  pardais ao ninho, quando de repente lhe cai isto na sopa, 

«Admiro-te! A sério! Não te conheço, mas já sou a tua fã número 1
Adoro as "osgas peçonhentas" que ainda assim, acho que estás a elogiar. Aquilo são vermes. Micróbios infectos da pior espécie. São o ninho da cólera, do escorbuto,da peste. Não dizem nada de +util e laimentam-se à conta da reputação e vida de outros invendando, chegar-lhes aos tornozelos. Sejas, quem fores... Força, para ti e tenho um grande pedido de desculpas a fazer-te
assinado "Relampejares". 

E fica tudo:
Oi..? Qué aquilo?!

Bom, notou-se que a moça ficou contente ( eu cá ficava) e contrariando as costumeiras incoerências, até teve um ataque de lucidez, perguntando "desculpas pekê...? também pertencias à carneirada?" (ou algo assim do género),disponibilizando o mail e tudo pra eventuais esclarecimentos, mas hey, a moça costuma ficar contente quando fala com ela própria, né, maneiras que a malta pensou "prontes, lá está ela a falar com ela, 'bora lá alinhar na brincadeira" e vai a Filipa  e escarrapacha com um comentário que tinha ali guardadinho junto ao peito, com o mesmo nick, naquela de ok ...ok...ahahah sua magana...ahahah ... pronto, pronto, cá mais 5 e não sei quê e blablabla e o caralho e mais do mesmo e etc, e é aqui que se dá a verdadeira percepção das consequências resultantes de não se  levar a sério, aquilo das 3 regras de ouro e fundamentais prá conveniente preservação de um mogwai quebra-corações, aquelas coisinhas mai ai sei lá, que só apetece apertar e dar beijinhos, e a situação começa a transcender as transcendências a que uma gaja se habituou;
 Aviso via mail:- A Relampejares NÃO é a Pink Poison.
......
Ai. O. Caralho.
Ai Jesus.  Ai meu Pai..
Ai qu'há mais delas..

Mas... Mas...
Parece tanto...

Olha só a minha cara de preocupada, porque me dás mais um tempinho de antena em que posso continuar a dizer-te a ti e às tuas amigas, como são umas inúteis se a vossa prioridade de vida é isto! Posts a ofender quem vos não passa na goela, porque vos topa à distância.  Passam o dia a achincalhar os outros! E já agora porque é que puseste isto aqui, hoje, quando este comentário foi feito à D. Alexandra  que sem me conhecer me chama puta e alega tudo o que a dor de corno lhe sugere  porque sei quem é e onde se movimenta( ou devo dizer à Longitudes, Almas Perfumadas, Entrelinhas de Azul, outros blogues que tem para lá deste onde se assina por Sally) terá sido porque ontem, te deixei um comentário a dizer-te que era divertidíssimo comparar e ler atentamente o "teu" blog e  um que dá pelo (Amor de Sempre - Centauro(a) Outro que se chama (Terapia da Concha...) onde o "bicho " é o mesmo) oh, por favor vão lá ver, como os recadinhos entre "amigos do peito" são ternos e belos. A mim não importa nada as vossas vidas, os amantes que têm! As quecas que dão e as facadas que dão no matrimónio, virem para a net alardear. Com esta atitude confirmaste EXACTAMENTE o que eu suspeitava, sabes? Seja, querida! Achas que me envergonhas? Tu é que devias ter tento e vergonha! Tu e as Manelinhas (Libéis-Isas) A tal da hipercatividade diz a outra (há quem chame histeria ou ninfomaníaca ao mesmo), Carlas, Sofia, saras, Claúdias, Alexandras, Rosindas, e eles também (aliás todos os virolentos que andam por aí e não tem coragem de dar a cara! Falar para as pessoas de olhos nos olhos, mas se acham mais e melhor que todos e donos disto, com as costas quentes que é uma vergonha. EU NÃO CONHEÇO A PINK POISON sinceramente! Não sei quem é, mas dou-lhe toda a minha força!!! E se precisar da minha ajuda para vos desmascarar não hesito!!!  Abençoada em cascar em vós. Vê se tens vergonha e és um bocadinho mais inteligente, porque deste-me a certeza, do que "desconfiava!" Queres partir para a ofensa e a baixaria... eu também sei dizer asneiras e ser ordinária. És patética tu e estas mastronças que se acham a fina flor do feno. Pessoas com certas profissões de responsabilidade, que envergonham toda uma classe, Não sabem estar na vida. Ofendem tudo e todos quem nem lhe chegam aos calcanhares. Eu sou puta? Então prova-o, minha... eu nem te chamo o que algumas de vocês são!!!  Por acaso sabes que fazendo uma denúncia à Ordem fica complicado para quem não sabe ser bom profissional. O funcionalismo público rege-se por outras regras que não o resto da malta. Ficava-vos bem no cadastro uma penazita ou a expulsão por dolo e abuso de autoridade. Vá, fica em paz querida que hoje vais ter também muitas visitas e amanhã estás outra vez na quentura!

Enfim..
Eurh ...
T..talv...ez ...
Huumm...

Não sou a Pink não Libel vê lá... estás muito desiludida querida? Pois, não sou! Queres te te explique porque lhe disse que lhe devia um pedido de desculpas? Senta-te filha que vou contar-te... ou não. Pois! Não me apetece. Só uma coisa, ela (PINK)  tem mais coragem e personalidade num dedo do pé, que todas vocês no conjunto deles todos! E a tal Alex ja me favoreceu nuns anitos (melhor que qualquer creme anti rugas) não sei se lhe compre de prenda, um livro de etiqueta, uma vacina para a raiva ou a leve numa visita guiada à terra do Nunca e a deixe por lá. Mulher amarga e ressabiada, vazia de sentido!!! Mórbida e pantomineira.  Minhas queridas vocês ainda não perceberam que toda a caca que vomitam, bate e respinga. É melhor irem mudar de roupa que o cheiro... Estão enganadas no número porta!!! Eu não sou quem gostariam que fosse e aí reside a diversão toda!!! Ó pá, o que nos temos rido por aqui. E todos os gajos frustrados, que não conseguiram montar-me (mas gostariam muito) e todas vocês que gostavam de ser iguais a mim (vá, lá, confessem secretamente) podem dizer o que quiserem. Eu é que se fosse homem e encontrasse mulheres com as vossas mentalidades e como se comportam aqui mandava-vos para onde  é o vosso lugar. Mas há quem lhe sirva tudo. 

Huuumm....?!
(a professora  de filosofia!.. será..?)

«Sou uma mulher, de família! Tenho marido que nunca enganei e orgulho-me disso e de muito mais! Duas filhas que (têm direito a ser respeitadas no seu lar e não só e a estarem em paz) e já atenderam telefonemas destes e destas aberrações, a ofenderem-me(nos) para casa! Será, que por acaso e porque me confundem com todas os seus "ódios caseiros,"  toda a minha vida vou ter de lidar com esta "espécie" e ficar calada a ser enxovalhada publicamente? 
Este é mais um post que me contraria fazer e vai ficar extenso, mas é assim. Ontem o meu marido deixou um comentário num blog, que por enquanto me vou coibir de enunciar, sobre a sua análise sobre a conduta de certas pessoas, que  me atacam e denigrem, mas nos querem fazer crer, que são umas e afinal são outras.
Hoje... deu-se a retaliação. Logo raciocinem comigo. Se a pessoa, não tivesse culpas no cartório e não fosse a mesma, ficaria pelo mesmo e ignorava, mas porque se sentiu descoberta e algo danada por o ter sido... eis a forma como reage! Publica no outro blog que "alimenta" com a sujeira que é, um comentário meu feito há pelo menos duas semanas. Porque não o publicou na altura? Porque diz ela que dá desprezo e a acidez, de que dona se faz assim a ignorar... mas pelo visto a acidez, virou-se ao contrário e agora e porque o meu marido a confrontou com algo "evidente" fez-se tão efervescente que não tendo forma de ofender mais publicou o comentário antigo!  Não é preciso ser muito esperto ou doutorado para ver que a pessoa ficou tão danada que a forma de me "atingir" foi o comentário antigo (em que respondia a essa Alexandra possuidora duma língua porca e com um nojo por alma) e que não me conhece de lado algum... mas diz que sabe tudo de mim, que bom!!! Deve saber mais que eu e tudo.»

WOW! 
... Muuuuuiiiiito à frente ....

«Estas pessoas têm azar, porque eu e outros, logicamente somos pessoas diferentes e se acham como já tinha aqui deixado post que a Pink Poison sou eu... Não sou! Mas como já disse, sem a conhecer apoio-a em tudo, se o fito dela é denunciar e mostrar quem são algumas "boas pessoas" que andam por aqui, a esconder-se atrás de blogs respeitáveis e noutros a chamarem putas e a insinuarem coisas, sobre quem não conhecem e tem idade para ser mãe delas.  Mais: Mantêm blogs em que a sua conduta é, pelos menos discutível, porque são elas mesmo que pelas suas palavras assumem comportamentos "irregulares" mas vêem chamar nomes aos outros. 
Se são ou não, não me interessa! Com quem o fazem ou deixam de fazer é-me de somenos. Só EXIJO respeito porque não as conheço. Não tenho NADA a ver com esta corja e há muito mesmo que o denuncio, mas fica tudo na mesma!!!
Muitas destas tristes, têm idade para serem minhas filhas) não respeitam nada, nem ninguém, como já se sabe. E NADA lhes acontece, como já se viu!
O que lamento? Que as mães não as soubessem educar e refrear, mas que também se juntem  "à brincadeira" e vai de (todas em conjunto) emporcalhar os outros!!!»

Ahhhh.. ok, ok... 
pois ...
Jung, kant .. Froid... e isso ....

Epá!
(Stº Agostinho nos proteja..)
«Lembrei-me duma coisa    (ai caraio!)
A MEO tem livro de reclamações, não tem? Se reportar toda esta situação e anteriores, segue infalivelmente para as vias legais adequadas para análise, não é? Muito, bem!!!»

*glup*

(Hã..? Olé. Lindo serviço, sim sanhores.  E como se não chegasse terem ido contra todas as normas sobre o horário da alimentação do bichinho,  ainda vão, todos armados em toinos, e catrabum! vai  de lh'enfiar com uma valente duma banhoca. Ya. Lindo. Palmas. Não se esqueçam de a deixar amanhã à luz do sol, sim? Façam isso. Não se esqueçam)  

Bom. Feita a asneira e derramado o leite, nada mais resta a uma índia que não concentrar-se nos mistérios de tamanha algazarra, seus porquês e seus porquantos, seus axés e seus quebrantos e  vai daí que, após horas de árdua cogitação intercaladas com 1 caixa de petit gateaux (por acaso já aumentavam o tamanho daquilo, escusavam de ser tão literais a porcaria do "petit", carago), e citando a Pink, a cabeça da mente resolve involucrá-la de novo ( de onde nunca havia de ter saído pra começo de prosa), e dar-se-lhe  o uso de pró que serve, deliberando - de acordo com o que se pode tirar deste carnaval todo e depois de tudo convenientemente espremido, sacudido, seco e alisado ao ferro - uma aposta, com base nas conclusões que abaixo enumero: 

- A  'ssoa assume que hipotéticos insultos hipoteticamente dirigidos a outra pessoa, lhe são dirigidos. Assumindo, contudo e não obstante, não ser a pessoa hipoteticamente insultada, sentindo-se, no entanto, insultada. 
- A 'ssoa indigna-se e ameaça o pessoal por isso mesmo, se bem que... (o ponto acima).
- A 'ssoa invoca as regras da Sapo, e a 'ssoa infringe-as.
- A 'ssoa afirma que a blogger Filipa tem mais blogs,  onde, num deles,  o marido da 'ssoa  não sei quê e a Filipa, ZÁS!  fez coisas. 
- A 'ssoa envolve o marido nestas coisas e tem uma cena com traições. 

Posto isto, e sem mais delongas que já 'tou tonta, mando pra cima da mesa com duas hipóteses que me parecem perfeitamente lúcidas e consistentes com o quadro em apreço, e que são as seguintes: 
- A 'ssoa tem uma relação de consanguinidade com a Pinketa (ou algo lá muito perto)
- A 'ssoa é a professora de escrita criativa da Pinketa. 

Pronto. Feito e falado, agora é a vossa vez. Resta-me adiantar que o prémio pra quem acertar, é uma coisa destas.

Let the games begin!
(eheheh .. sinto-me sempre tão importante quando escrevo isto..)



45 comentários:

  1. "a blogger Filipa tem mais blogs"

    SHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHTTTT!!!!

    Isso é segredo, carago!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai agora que te expuseram é que queres silêncio?? Deves..

      Já lambi aquelas cenas todas e confere: é a tua cara chapada. Nem sei se te perdoe teres-me ocultado tão preciosa informação durante tanto. Já não sei se podemos continuar a ser dua em uma. Já não sei, ja não sei, já não sei...

      Ondé qu'eu ia..?

      Ah! Pois! Já não sei.

      Eliminar
  2. Foda-se ó Isa, esta merda demora a ler comó caralho!!!! Vou fazer um intervalinho para almoçar e já volto, sim?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Atão mas se a 'ssoa escreve que se farta, carago, ia agora cortar-lhe a palavra e deixar de referir, por exemplo, uma verve tã
      uinda como "E todos os gajos frustrados, que não conseguiram montar-me (mas gostariam muito)", que, se comparada com a que nós, as mal educadas, costumamos usar, é realmente de se dar o seu valor??

      Olha que tu, pá...

      Eliminar
  3. "a moça costuma ficar contente quando fala com ela própria, né, maneiras que a malta pensou "prontes, lá está ela a falar com ela, 'bora lá alinhar na brincadeira"
    AHAHAHAHAHAHHAHAAHAHHAHAHA!!

    "Ai Jesus. Ai meu Pai..
    Ai qu'há mais delas.."
    AHAHAHHAHAHAHAHHAHAHAHAHA!!

    Permites partilhas?

    ResponderEliminar
  4. Pra ti, claro!

    Afinal tu és eu, eu sou tu, e ambas, cá nos vamos alternando em "Alex".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ia escrever "salvo seja", mas tive receio que me acusassem de estar a ser indelicada, agora aqui a chamar puta a alguém.

      Claro que tinhas logo que te desbocar, caray, que de discreta não tens nada. (Como aliás se viu, pelo cuidado com que guardaste em segredo aquela blogame todo).

      Eliminar
  5. "Tenho marido que nunca enganei"

    Mas o que raio se passa com a necessidade que ultimamente algumas bloggers, daquelas mais afoitas, sentem em afirmar a sua lealdade para com os seus esposos?
    Acaso não é a nossa obrigação enquanto esposas mediante o juramento feito perante Jesus Cristo Rei dos Judeus, preso na cruz??
    Acaso não estamos obrigadas, conforme escritos e leis na igreja católica apostólica romana, a sermos fieis até que a morte nos separe?
    Acaso não é nossa obrigação cuidar para que o nosso matrimónio flua feliz e livre de qualquer percalço que lhe faça tremer as fundações?
    Acaso quando acabam de cagar gritam aos sete ventos que limparam o cu?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom, quanto à última pergunta, espero que não. Eu não. Se bem que ontem tenha ouvido alguém a gritar isso mesmo.

      Quanto ao resto, óbvio que sim, mas que queres, algumas pessoas acham bonito reforçar a ideia. Lá cenas delas, não te metas nisso.

      Eliminar
    2. Pipinha, pensa lá, é tal e qual a necessidade que a gayada tem de gritar aos setes ventos que são gays, igualzinho! Qualquer dia, hum... hum... ainda se lembram, huuuummmm... de organizar paradas e manifestações de esposas fidelíssimas aos seus esposos... hum... hum... ó minhas amigas... zzzz... zzzz... zzzz... não havia necessidade... zzzz... zzzz... zzzz...
      Agora fiquei aqui a pensar que cor inventariam para a bandeira... a dos gays já tem as cores todas possíveis...

      Eliminar
  6. Pá, e dizerem a esses comentadores para tentarem novamente, mas agora em português sff

    E achava eu que ler a Carla era desafiante...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E é desafiante.
      Estes são só chatos, gritantes e gostam de muita côr no que escrevem( porque aquelas cores não fui eu que pus, hã? nem os tamanhos das letras dos comentários), por necessidade patente da falta dela que têm em suas vidas.

      Eliminar
    2. São mais que chatos, que apanhar ali o fio condutor daqueles textos...vai lá vai.

      Eliminar
    3. Tu não apanhes fio condutor nenhum, que ainda te eletrocutas, pá!

      Deixa-te ir na onde, qué muito mais giro. Mais revigorante. Menos perigoso.

      Eliminar
  7. Algumas pessoas dizem que a saúde oral/dentária é o parente pobre do SNS, já a mim ninguém tira a ideia de que o parente pobre do SNS é a mesmo a saúde mental.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até nos haviam de recompensar pelo tempo que lhes disponibilizamos. Enquanto estão entretidas connosco, não estão à cabeçada
      às outras pessoas que estão nas filas de espera pra outras especialidades.
      Enfim. Muita injustiça neste país.

      Eliminar
  8. Passei e li tudo com muita atenção.
    Resolvi aconselhar uma leitura brevíssima e muito simples,muito resumida e muito arrumadinha. Nada de pesado, mas tudo muito elucidativo. Vai ajudar e nós só cá estamos para isso:

    http://www.psiqweb.med.br/site/DefaultLimpo.aspx?area=ES/VerClassificacoes&idZClassificacoes=232

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito médico da especialidade que aprendia umas coisas connosco, é só o que te digo.

      Muito lindo tratar deste pessoal em hospitais, queria era vê-los cá fora a levarem com a pastilha. Ah pois!

      Eliminar
  9. Aparentemente, o blog fechou... deitaste aquela merda abaixo, lol

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O blogue fechou porque, se tiver um pingo de razoabilidade, a autora não consegue mantê-lo aberto e de consciência tranquila depois de tudo o que escreveu nele e noutros blogues. Tais escritos não são compatíveis com o que escreveria uma mulher madura de 60 anos.
      Há meses que acusava o Sapo de ter preferências por determinados bloggers e de a desprezar, rotulando-se ela própria de blogger de segunda, basta ver os comentários que deixou. Aliás, hoje mesmo, na mensagem de despedida volta a criticar o Sapo, não ponderando sequer a hipótese de não lhe assistir razão, porque não foi publicado um comentário seu. Recentemente, num chorrilho sem nexo que a Isa aqui transcreve, atribuiu a autoria de diversos blogues a uma só pessoa, usou quanto vernáculo quis, assumiu serem-lhe dirigidas, vá-se lá saber porquê, críticas apontadas a outras pessoas, acusou terceiros de a perseguirem a si e à família ainda antes de, nos blogues que acusou de a perseguirem, alguma vez ser referido o seu nome, acusou sem provas. Declara-se apoiaste incondicional de quem não conhece e, consequentemente, embarca numa cruzada cega para desmascarar supostas vilãs, sem antes tentar inteirar-se de quem são as verdadeiras vilãs. No ultimo post, em desespero, reforça a teoria da perseguição, que todos a perseguem, perseguição essa que só existe na sua cabeça.
      Que encontre muita paz e luz para saber avaliar o que se passou longe de paranóias.

      Eliminar
  10. Aparentemente, o blog fechou... deitaste aquela merda abaixo, lol

    ResponderEliminar
  11. Mas afinal a Pink Poison e a Relampejares são a mesma pessoa ou não?
    Mas afinal quem persegue uma e outra?
    Então elas conhecem-se ou não?
    Porque é que quase em simultâneo com a publicação de um post da Pink Poison a pedir às pessoas para não comprarem as suas guerras (sic), o marido da Pink faz um post no blog da relampejares? Isso não contraria o pedido da mulher? E se vem defendê-la (faz ele muitíssimo bem) porquê no blog da relampejares e não no da mulher? Ou os ataques à mulher eram feitos no blog da relampejares?
    Mas afinal escrever e apagar iliba uma pessoa de responsabilidades ou ou não? Quem, afinal, é que escreve e depois apaga (além de um tal João)?
    E porque transcreve ele parte do código penal? E porquê apenas aqueles artigos?
    Felizmente consultou um advogado, há-de saber o que está a fazer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calma que isto tudo se esclarecerá, Mirone.
      Estou em crer que o marido daquela senhora simpática e toda espigadota de quem sabemos o nome (porque ela o assinou), não será o mesmo da Pink. A menos que seja bígamo. Ou a menos que todos os maridos de toda a doida que se sente perseguida, se chame Pinko.

      Já isso de se contrariar ordens ou pedidos, é a assinatura da personagem, né? Apagar blogues e outras coisas, também.
      (adorei aquele pedido da transtornada, sério que adorei)

      Mas é como dizes e muito bem: Felizmente consultou um advogado. Aparentemente, até um daqueles muito bons.

      Eliminar
    2. No post do "último aviso" o Pinko diz que apagar o blog não iliba ninguém e que alguém facultou o contacto da mulher num anúncio de prostituição de um jornal de tiragem diária.
      No post anterior a Relampejares explica porque apagou o blogue e diz que alguém facultou o seu contacto para um anúncio de prostituição num jornal de tiragem diária.
      O Pinko é o marido de quem? Da Pink ou da Relampejares? A Pink já se referiu ao marido mais do que uma vez como Pinko. Será coincidência e o marido a Relampejares também se chama Pinko? Então houve dois anúncios, um com os contactos da Pink e outro com os contactos da Relampejares, ou apenas um porque elas são a mesma pessoa?

      Eliminar
    3. Que deve ser uma fofura viver-se na Doidilândia, para já, é a única conclusão a que chego.

      De resto, se uma emprestou à outra o nome do "marido" pra responder a supostas ameaças, ou se o "marido" é mesmo das duas, se as duas são uma, se se revezam, ou se outra coisa qualquer, acaba por ser irrelevante, uma vez que, definitivamente, têm em comum uma necessidade imperativa de se submeterem ao ridículo, de se vitimizarem e se se sentirem perseguidas. São uma novela e observo-as como tal.
      Suponho que a intenção de aparecer ali um Pinko seja a de criar confusão. E cria. Mas, mais uma vez, a confusão converge para o tamanho do deserto que paira naqueles intelectos, ao invés de para o que pretendem.

      Eliminar
  12. Não deixa de ser curioso que após vários pots da relampejares em que o nome da pinkena vem a lume esta nunca se tenha pronunciado e que após o fecho do blog surja com o post " não comprem guerras seam antes meus amiguinhos "

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas espera, espera! Que a pretensa acção judicial do pretenso advogado que está a acompanhar o blog da Filipa, diz que o problema é do blog da Filipa e que quem lá comenta. Sempre quero ver como é que o pretenso advogado vai ligar a Filipa às supostas perseguições, ao tal do João não sei quê que apareceu agora (também) assim do nada, e em quê ou como, é que o que se escreve naquele blog pode ser insultuoso para alguém que garante (mas não prova,e nem pode, porque não é) que ela, a Filipa, é também outro alguém, e entra por ali a dentro a desancar em tudo e todos.

      Eliminar
    2. Tu já nao eras a Alex(andra), sua egoista?!
      O João é outra pessoa que apareceu agora e que parece que se apresenta (também) com vários nomes e vários blogues.

      Dás licença que ele possa ser uma de nós, sff?

      Obrigada.

      Eliminar
  13. Num bus ides tratar não! "e (a maluca) sou eu"! lol

    ResponderEliminar
  14. Opá, organizábeis todas uma reunião de blogoólicas mais ou menos anónimas, começábeis a exibir umas fichinhas e daqui a uns tempos, a correr bem, deixávosbeis destas merdas assim um bocado pouco dignificantes para os intelectos em geral e iéis fazer alguma coisinha de útil, prexemplos: publicidade (se de todo não conseguisseis largar isto), escrever umas cenas a ver se algum editor vos pegaba e conbidaba para uma coluna semanal no Metro, à experiência, com possibilidade de ascenderdes ao CM, ou até, acaso fordes mesma bouas, editar um livro na Lua De Marfim! (idem) . ou assaltar uns bancos, sei lá, entregar pizzas as povrezinhos.

    ResponderEliminar
  15. Ó pá... o que práqui vai... (não aqui, Isa, mas na situação), eu, que ainda não tirei da cabeça uma formação em psicologia, vejo aqui autênticos casos de estudo, mais do divertirem-me, estas criaturas fascinam-me!!!! :D

    ResponderEliminar
  16. Não costumo comentar mas este não me escapa! :)
    E eu que julgava que a doida era eu!!! Mas afinal anda tudo doido?? Que raio de perseguição, comentários, acusações e sei lá mais o quê a pessoas supostamente "anónimas"?
    Eu que julgava que blogs eram só blogs.... e o meu coitado começou mas ficou lá no cantinho dele e acho que depois disto é onde vai ficar mesmo!
    Tanta merda (posso dizer merda?) a chatear-nos a mona in the real life.... olha se quiserem uma boleia ali para a Av do Brasil passo lá todos os dias ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá ISIS, como estás?
      E a família, tudo bem?
      E o pessoal dos atentados, também? Tudo com as suas máscaras e etc?
      Boa, isso é o que ser quer.

      Bom, em relação ao assunto mencionado, deixa-me primeiramente realçar o facto de já serem duas as comentadoras nesta caixa, a assumirem que pensavam que as doidas são elas. Pessoalmente - e isto sem bases nenhumas científicas nem nada, são só experiências de vida - pá, quando alguém acha que é, eem geral e estatisticamente falando,é mesmo. Ok? Só a dizer.

      E agora o assunto propriamente dito:
      Se leres bem, hás-de verificar que nesta caixa de comentários está (exceptuando tu e a outra tal comentadora) toda a gente sobretudo é muito confusa, derivado exactamente das acusações e perseguições efectuadas por parte de um alguém, que nos era "anónimo" a todos, até ao dia em que os deuses puseram baixa ali por umas horas, e por tal, não deram a assistência devida às fronteiras da Doidilândia.
      Logo, se deixares a posição morcego, verás que tanto este post quanto os comentários, se limitam a constatar factos, marcando uma posição, naturalmente, tanto de surpresa quanto de estupefacção, mesclada, talvez, com algum terror, perante a percepção evidente da existência de pessoas vá, digamos, menos sãs.

      Quanto à oferta da boleia, obrigada, mas já estamos a organizar a nossa própria excursão. Encontramo-nos lá, ok? Tu de um lado da vedação, e nós do outro, mas hey, aquilo certamente dará pra passarmos um biscoitos de mirtilo de um lado pró outro.:)

      Claro que podes dizer "merda". Aqui pode-se dizer tudo, 'pariga. Eu, por exemplo, digo "puta que te pariu" várias vezes, e ainda não me caíram os parentes na lama à conta disso. Gaja, o palavrão é uma cena libertadora.:)) Força nisso.

      Eliminar
    2. Opá.... nunca me senti tão bem-vinda num sitio!! :)
      Eu também fiquei confusa que isto há coisas que me baralham (mais ainda) os neurónios, mas "prontos"!!! Nem gosto de novelas mas vou-me deixar ficar aqui (com tua licença obviamente) em estilo voyerista e acompanhar os últimos episódios.... comédias dá sempre jeito de ver!

      Eliminar
    3. E ler.

      Sente-te à vontade na minha humilde casinha:), embora eu pense que futuros episódios - a avaliar pelas ultimas notificações -se passarão na privacidade do sistema legal.

      Eliminar
  17. A minha avó sempre me disse "Estuda, amorzinho, estuda". Devia ter dado ouvido ao que ela me dizia, quem sabe um dia pudesse ser um advogado dos bons, dos que diz aos clientes para não dizerem mais nada (????) mas eles próprios dizem, um que soubesse explicar onde está a ilicitude em retirar um post por algum tempo e voltar a publicar , retirar por mais um tempo e voltar a publicar posts, daqueles que fazem declarações onde exaram que representam autoridades judiciais (????), aqueles que em blogs públicos fazem declarações sem nome mas onde figuram apenas as insígnias de uso exclusivo da Ordem dos Advogados em contradição com o parecer do Conselho Geral dessa mesma Ordem:

    ... "6. Compreende-se e aceita-se a utilização, em actos de natureza pública ou institucional, das insígnias e medalhas da Ordem dos Advogados

    7. Como se compreende e aceita que um Advogado, membro da Ordem dos Advogados, possa usar a insígnia da Ordem dos Advogados como elemento identificativo da instituição a que pertence.

    8. O que parece já não ser aceitável é um Advogado no exercício da sua actividade profissional e como parte integrante da mesma, usar a insígnia ou simbolo da Instituição “Ordem dos Advogados”.

    9. Com efeito, tal insígnia ou simbolo é privativo da instituição, em que o Advogado se insere é certo mas que não se confunde com ela.

    10. Precisamente, por isso, isto é, por poder gerar algum tipo de confusão entre a Instituição e um dos seus membros, o que não se pode admitir, se conclui pela não permissão de um advogado usar um selo branco com o logotipo da Ordem nele incluindo o seu nome profissional e número de cédula."

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estarei correcta, portanto, ao assumir que isso será coisa tão grave, quanto usar-se uma foto de perfil de alguém sem a sua permissão, nem que seja por um bocadinho, num post, mesmo que essa foto depois seja retirada?

      Ou tão grave quanto garantir-se a identidade de alguém, que não é essa identidade, mas insistir-se que é e persegui-la com difamações baseadas nessa não mais que assunção?

      Ou garantir-se que alguém traiu um marido, expondo a público outras privacidades que transcendem a pessoa que se pretende denegrir, ou seja, denegrindo também e por consequência, a pessoa hipoteticamente traída?

      Tanto que me contas.







      Eliminar