7 de maio de 2016

Meus amados irmãos, considerai motivo de júbilo o fato de passardes por diversas provações (Tiago 1:2)


« O estudo sobre os efeitos fantásticos que a dança tem sobre o cérebro esteve a cargo do “New England Journal of Medicine (...)»

«(...)Estimular a inteligência e o raciocínio e assim assegurar uma agilidade mental saudável, em qualquer idade, passa por estimular o próprio cérebro com coisas novas e diferentes, que nos obrigam a pensar de forma criativa. 
Quando isto acontece, o cérebro é ativado ficando cada vez mais desperto (...)»






2 comentários:

  1. Respostas
    1. Eu estou sempre de casamento com alguma coisa ou com alguém, Mirone, que sou um 'ssoa muito apaixonada por natureza.
      Não é, todavia, o caso.

      O post regista um momento católicópraticante. É um momento de oração, com base num estudo e coração num almejo que, mesmo sabendo-se quase impossível, insiste a Fé que o persiga.

      Eliminar