sábado, 16 de abril de 2016

"Onde está o Wally?"

Li no blog de alguém, um post dizendo que X, havia de "foder 30 putas sidosas". Nesse mesmo blog, li os queixumes de quem disse aquilo, em relação a um comentário lá deixado dirigido à  queixosa, e dentro da mesma linha de "entretenimento", digamos assim.

Li nesse mesmo blog,  defender-se que não há cá 2ªs oportunidades para ninguém. Tratando-se de uma personagem com um passado supostamente menos feliz, assumido(e ainda bem), mas que, no entanto, não se quer em interferência com o seu presente, ando aqui num desatino a perguntar-me sobre o paradeiro da consistência de raciocínio e de valores da pessoa em questão. 

A quem os descobrir antes de mim, avise-me sff, que uma gaja é só uma, tenho aqui mil meias desirmanadas, também tenho prioridades e mais a gestão de tempo inerente a estas coisas, e entre o tempo que me levaria a descobrir uma coisa ou outra, opto por ir antes perguntar aos unicórnios da Floresta das Meias Abduzidas, se sabem das irmãzinhas do piugame que tenho práqui, em prantos de saudade.

Crente de ser esta, uma daquelas ocasiões em que uma pessoa pode dizer "o último a chegar é um cocó", com a certeza de que não vai ser ela, aqui fica o desafio prá corrida.

Vá lá:

1..

2..

2,5..

3!  GO!


(Se de caminho derem com o Peter Pan, chamem-me!!)  
  

17 comentários:

  1. Estará na net, a trocar umas cuecas, um desodorizante de homem, umas sandálias farsolas ou uma fritadeira por um Ibiza de centralina mexida?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    2. Para atropelares a Mironinho, coisinha, tinhas que saber os pontos cardeais.

      E obedeceres ao pápi, não?

      Eliminar
    3. Mirone, estava aqui!! Como é que não a apanhou?

      Eliminar
  2. Boa tarde. D. Isa, tornar os nossos mails públicos não será ético de sua parte mas faça o que a sua consciência entender. Se tiver disponibilidade para se deslocar ao Algarve, poderemos falar sempre na presença dos meus representantes legais mas dado que a minha filha está proibida de contactar consigo, tudo o que a senhora possa dizer ou fazer só a si lhe dirá respeito. Se realmente quisesse ter uma conversa séria comigo, eu disse onde estava hospedado até hoje, e em Lisboa apenas disponho de um pequeno gabinete e sala de reuniões , teríamos que conversar fora de horário de expediente pois vim tratar de negócios. E sim, tratar de resolver isto com a minha filha, ela faz parte de mim e da minha vida. Não me surpreende que conheça os melhores especialistas da área da psicologia/psiquiatria/neurologia, já se tentou tratar com tais especialistas. Acredito. Talvez fora do país. Quer ajuda monetária para a viagem e estadia? Sou um homem generoso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um copy do mail do "pápi"? Achaste que não o tinha recebido, badocheca? :)
      Recebi pois.

      Queres publicar tu a resposta?

      Eliminar
    2. Ou isso és só tu a assumir as tuas várias personalidades, e que escreves às pessoas em nome da tua pseudo empregada doméstica ou do teu pai..? Olha que isso não é nada Mormon, hã?

      Eliminar
    3. O empresário também anda aqui?
      Não há o que fazer lá na igreja ou templo oullá que merda é aquela?

      Eliminar
    4. Capela. É assim que se diz. E um Bispo toma conta de uma Ala.

      As merdas que uma pessoa aprende, né?

      Eliminar
    5. Ah! Esqueci-me. Para quem diz "atropelar a mironinha", naquele comentário apagado, referindo-se à filha da comentadora acima, é realmente bem denotativo de quem preza os princípios mais básicos de um ser humano, não é?
      O que, só por isto, invalida não só qualquer respeito por quem o disse, e justifica até, de certa forma, tudo o que se lhe disse, e do que ela se queixa.

      Eliminar
    6. Pingona, tens de ensinar o teu pai empresário a fazer perfis, pá. Assim podia interagir aqui connosco sem ser por interposta pessoa.
      O que dizes?

      Eliminar
    7. Diz que não, naturalmente. O Sr. Bispo tem mais o que fazer que andar aqui a resolver as merdas da filha, está claro. Já lhe chega ter que lidar com a merda que a filha é.

      Eliminar
  3. Ía ver o "Coração d'Ouro" mas acho que vou ficar por aqui! Podem continuar, sff :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hummm ... Duvido que a nódoa volte, Catarina. Já não se aguentou, já deu outro tiro no pé, assumindo a autoria daqueles mails, agora deve estar em casa a engendrar em nome de quem é que há-de proceder à próxima corrente de mails. Eu aposto no inóspito Pynco.

      Eliminar
    2. Por acaso, acho tão estranho ainda não ter dado um arzinho da sua graça... mas eu aposto mais que será o cão, o próximo a escrever um emílio :P

      Eliminar
    3. Eu voto no amigo da Pj (a pedir desculpa pelas barbaridades que a amiga escreveu - ou será que o Sr empresário também o proibiu?)
      Aquilo ali em cima, às 20.02 foi o quê? Atropelamento e fuga (alguém lhe explique que mesmo apagando os comentários eles continuam na net)?Ora aqui está uma coisa bonita. O amigo Pj devia dar-lhe uns conselhos...
      Vamos ver o que inventa para justificar o comentário/Mail do pai com o seu nick. De qualquer forma gostei muito de o ver invocar princípios éticos, fica sempre bem, depois de dizer que proibiu a filha de pedir desculpa.

      Eliminar
    4. Estou aqui a pensar, Mirone, que o pessoal que lhe visita a taberna, em calhando, já ficava a saber sobre quem é, realmente, aquele erro da Natureza. Tenho aqui um ficheiro jeitoso de prints do que ela escreve e apaga, em posts e comentários, às tantas já era de se lhes enviar tudo.
      "Atropelar a Mironinho", sendo só mais uma prova daquele carácter distorcido, chega a ser também uma prova Divina - a crer-se no que ela posta e naquilo de não poder ter filhos - do porquê da situação. Parece os Deuses a dizerem à malta "Estão a ver..? É por isto... É por isto que queremos descontinuar o espécime".

      Eliminar